Olá, amigos e amigas! A matéria de hoje é especial para você que sonha com um intercâmbio e quer conhecer mais as possibilidades e instituições estrangeiras e, principalmente, para você que se interessa pelo Canadá, que recentemente vem importando jovens profissionais brasileiros para trabalhar no país e tem a tendência de, no futuro, a precisar de mais trabalhadores. Vamos conhecer a parceria educacional Brasil-Canadá através do Ciência Sem Fronteiras.

Nesse programa governamental, o Brasil proporciona para universitários, através de parcerias no exterior, programas de intercâmbio para alunos de graduação (graduação sanduíche, de duração de 12 até 18 meses) e pós-graduação (programas variados). Em geral, a disponibilidade de programas de graduação e pós-graduação varia de país para país, mas, no caso específico do Canadá, ambos são ofertados através de dois colabores canadenses: o CALDO e o CBIE.

Mais tarde veremos quem são eles, mas, em primeiro lugar, vamos checar quais são os pré-requisitos para solicitar uma bolsa de intercâmbio para o Canadá pelo CSF:

 

Alunos de graduação (graduação sanduíche):

  • Ser brasileiro ou naturalizado;
  • Ser matriculado regularmente no ensino superior em um curso dentro das áreas contempladas pelo CSF;
  • Ter pontuado um mínimo de 600 pontos no Enem (válido para edições aplicadas a partir de 2009);
  • Possuir bom desempenho acadêmico;
  • Ter concluído 20% do currículo previsto em seu curso.

Há ainda preferência para alunos que tenham vencido prêmios em olímpiadas científicas no país ou no exterior; ou que tenha participado/esteja participando de bolsa de iniciação científica ou tecnológica do CNPq ou do PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência) da CAPES.

 

Alunos de pós-graduação

As bolsas de pós-graduação no Canadá oferecem doutorado e pós-doutorado, e o pré-requisito para solicitar uma é ter sido aceito pela instituição de ensino canadense em que o candidato do programa deseja estudar e, depois disso, ele deve fazer sua inscrição no Ciência Sem Fronteiras.

O contato com a instituição escolhida pode ser feito diretamente pelo candidato ou também através dos parceiros do Ciência Sem Fronteiras, o CALDO e o CBIE.

 

CALDO

O CALDO é um consórcio fundado em 2011 por quatro das melhores universidades do Canadá (Universidade de Alberta, Universidade de Laval, Universidade de Ottawa e Universidade Dalhousie) para oferecer cooperação internacional em ensino e mobilidade estudantil bilateral. Por ter identificado a América Latina como uma região subexplorada pelo mercado de educação global, o consórcio começou a trabalhar na área, tendo tornado o Brasil seu primeiro parceiro. Hoje o consórcio atua também na Colômbia, Chile, Equador, Peru e Uruguai.

Além disso, em 2014 mais cinco universidades se uniram à iniciativa: a Universidade de Calgary, Universidade de Saskatchewan, Universidade de Ontario Ocidental, Universidade de Waterloo e Queen’s University.

O secretariado do CALDO auxilia os alunos a encontrarem o programa acadêmico adequado para cada um, oferecendo também suporte personalizado e um processo de admissão simplificado. Os programas de graduação sanduíche, assim como os de pós-graduação, abrangem diversas áreas; da engenharia às ciências sociais.

Por estarem situadas em diferentes regiões do Canadá, as universidades proporcionam ao aluno tem possibilidade de entrar em contato com inglês e francês, dependendo de sua escolha.

Para participar dos programas oferecidos por esse colaborador, deve-se ficar atento às chamadas do CsF ou consultar o site CALDO, atentando para os prazos e datas importantes.

Neste ano, o CALDO estará viajando pela América Latina para promover programas e oportunidades. Fiquem atentos! Ele passará pelo Rio de Janeiro, por Recife, Belo Horizonte, Brasília, São Paulo, Campinas, Curitiba e Porto Alegre.

 

CBIE (Canadian Bureau for International Education)

Em livre tradução, o Escritório Canadense para Educação Internacional administra a maior parte das bolsas de estudo no Canadá, assistindo o aluno em seu processo de admissão e de solicitação do visto (a permissão de estudo), pagando a despesa da viagem e as taxas escolares para instituições de ensino canadenses em nome da Capes e do CNPq. A universidade canadense, por sua vez, promove a acomodação e bem-estar do aluno, incluindo suporte acadêmico e médico. São 95 instituições participantes do programa, com 946 programas acadêmicos, abrangendo as mais diversas áreas.

As bolsas de graduação são compostas de um curso de idiomas (se necessário), dois períodos acadêmicos e um estágio. As de pós-graduação incluem duas opções de doutorado: o doutorado pleno (de 36 meses prorrogáveis por mais 12 meses) e o doutorado sanduíche (de 3 a 12 meses). Há ainda um programa de bolsas para pós-doutorado (de 6 a 12 meses, prorrogáveis por mais 12).

Para participar dos programas CBIE, também é importante ficar de olho nas chamadas, sempre ficando de olho em datas e prazos. Estudantes que queiram fazer um programa de Doutorado devem ainda atentar para as instruções do CsF para fazer sua inscrição e obter uma carta de aceitação canadense.

 

Em geral, a equipe e os colaboradores do CsF proporcionam apoio ao aluno que deseja passar pelo processo de admissão das bolsas e requerer seu visto, mas estar bem informado para se preparar melhor é sempre uma boa ideia. Você certamente vai precisar de uma permissão de estudo e de um teste de nivelamento (normalmente, o CsF requere o TOEFL ITP).

Se seu sonho é o intercâmbio para o Canadá ou estudar um país de língua inglesa, não perca oportunidades! O intercâmbio é uma oportunidade de vivenciar uma multiplicidade maior de experiências, principalmente pela presença não só de estudantes canadenses, mas também provenientes de diversas partes do mundo, o que, no futuro, dialogará com a sua própria realidade, além de ser uma oportunidade para aperfeiçoar idiomas e melhorar o currículo. Eliminando o custo de mensalidades de universidades estrangeiras – muito elevadas, levando em consideração os custos médios das universidades privadas brasileiras – resta somente esforço e dedicação para chegar lá. Com isso, é possível vencer quaisquer adversidades.

Não desanime; você pode tudo!

 

Dúvidas, sugestões, críticas ou convites para um cafezinho, não deixe de me mandar um e-mail em edsonurubatan@globo.com.

 

Confira também

Portal CBIE

CALDO

Ciências Sem Fronteiras

Conheça o TOEFL

Saiba mais sobre a permissão de estudo