Olá, amigos leitores! Manter o foco nos dias dos smartphones não é uma tarefa fácil para ninguém, mas hoje poderemos conhecer um pouco mais sobre técnicas e hábitos para aumentar seu nível de atenção.

 

1. Medite

É cientificamente comprovado que a meditação mantida como hábito aumenta o córtex pré-frontal, a parte do cérebro relacionada à concentração e controle de emoções. E está longe de ser tão complexa quanto parece: de olhos abertos ou fechados (mas de preferência fechados), concentre-se em sua respiração e conte o número de vezes que você inspira. Se perder a conta, volte ao começo. Faça isso por no mínimo 5 minutos.

 

2. Faça uma coisa de cada vez

O modo multitarefas pode parecer vantajoso, mas é muito provável que você acabe sem conseguir se concentrar em qualquer uma das atividades que está tentando fazer. Por isso, pare, repense e faça uma coisa de cada vez. E não tenha medo de não ter tempo de realizar todas as atividades: planeje seu dia para que possa fazer as tarefas mais importantes primeiro, aproveitando muito mais seu tempo.

 

3. Faça exercícios físicos regularmente

Preparando o condicionamento físico para ter maior resistência, fazer exercícios físicos regularmente é benéfico para além dos estudos. E, ainda, fazer exercícios físicos proporciona descanso ao cérebro, o que aumenta a capacidade de concentração dele.

 

4. Mantenha as distrações longe

As distrações são a maior causa de levarmos mais tempo do que o necessário para realizar uma tarefa. Por isso, deixe-as longe: desligue o celular, o wi-fi e qualquer outra possível fonte de distração. Se necessário e possível, crie um espaço especial, isolado e confortável para estudar. Estudar sempre no mesmo horário também dificulta a ação dos fatores da distração, pois cria o hábito de isolar uma parte do tempo apenas para isso.

 

5. Crie o hábito de testar sua atenção

Não deixe passar aquele momento em que você termina de ler uma página de um livro e percebe que não prestou atenção alguma no que estava lendo. Pare e volte a ler sempre que acontecer e perceba a frequência com que isso ocorre.

 

6º Descanse

Não sinta culpa em fazer uma pequena pausa: ela é necessária. Seguir horas a fio estudando é uma receita infalível para não ter o foco devido. Marque período de estudo e descanso para evitar sobrecargas. O “pomodoro”, famosa técnica de controle de tempo, pode ser uma boa técinca: ajuste um alarme para demarcar o começo e o fim dos períodos.

 

Sabendo algumas das principais maneiras de combater a falta de foco, agora você pode tentar implementar essas técnicas aos poucos no seu dia a dia, de acordo com suas necessidades. Não espere que tudo vá mudar de imediato, períodos de adaptação são sempre difíceis e podem não mostrar resultados no início. Procure as pequenas mudanças para manter o ânimo, apenas não deixe de tentar.

Você pode tudo!

 

Fonte: Universia

 

Confira também

5 hábitos saudáveis que vão melhorar (e muito!) seus estudos